Últimos assuntos
» Primeiro Pokémon
Ter 22 Set 2015 - 20:21 por AnderLine

» Rota 10 de Kalos
Sab 29 Ago 2015 - 15:56 por AnderLine

» Ginásio de Golderod
Sex 28 Ago 2015 - 14:36 por Yuki

» Ginásio de Azalea
Sex 28 Ago 2015 - 7:21 por Yuki

» Ginásio de Violet
Sex 28 Ago 2015 - 7:13 por Yuki

» Ginásio de Viridian
Qui 27 Ago 2015 - 7:34 por Yuki

» Ginásio de Cinnabar
Qua 26 Ago 2015 - 10:32 por Yuki

» Ginásio de Saffron
Ter 25 Ago 2015 - 21:34 por Yuki

» Ginásio de Fushsia
Ter 25 Ago 2015 - 21:26 por Yuki

Conectar-se

Esqueci minha senha



Capture Shiny esta semana!
Magikarp

clique aqui para conferir o número do sorteio
Vote no Top 30
 Top30 Brasil - Vote neste site!
Pokedex
Para saber melhor sobre os pokémons do fórum:
001Bulbasaur.png

Parceiros


free counter

Você não está conectado.
Registre-se ou efetue o login para juntar-se aos nossos 26 usuários e poder aproveitar todos os serviços



Você não está conectado.
Registre-se ou efetue o login para juntar-se aos nossos 26 usuários e poder aproveitar todos os serviços




Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 Rota 30 de Johto em Seg 10 Mar 2014 - 18:25

Csdodo

avatar
Fundador
Aqui você pode encontrar os seguintes Pokémons:

Hoothoot Level  3-4
Ledyba Level 3
Spinarak Level 3
Marill Level 4
Hoppip Level 4

2 Re: Rota 30 de Johto em Dom 23 Mar 2014 - 14:21

sergio terto

avatar
Treinador
captura de Marill (femea)
Estava andado por uma floresta ate que algo pula de ur arbusto ela um Marill me parecia femea logo eu dessido capturalo lencho a pokebola de torchic po alto o liberando da pokebola
Batalha
1-Marill usa water gun (erra)
2-torchic usa investida (acerta)
3-Marill usa water gun (acerta)
4-torchic usa brasas (acerta)
5-Marill usa water gun (erra)
6-Torchic usa investida (acerta)
7-marill usa water gun (acerta)
8-Torchic usa investida (acerta)
9-Torchic usa brasas (acerta)
10-Marill usa water gun (erra)
11-Torchic usa investida (acerta)
12-marill usa water gun (erra)
13-marill usa water gun (acerta)
14-torchic usa investida (acerta)
15-Torchic usa investida (acerta)
Fim da batalha
Eu: pokebola vai doin scatch c..

3 Re: Rota 30 de Johto em Dom 23 Mar 2014 - 14:38

AnderLine

avatar
Fundador
Capturado! cuide bem dele ^^

4 Re: Rota 30 de Johto em Sab 5 Abr 2014 - 19:53

UltimaterX

avatar
Treinador
Captura de Marill
Sexo: Femea
*Andando perto de um lago* Ahh... Hum... Huh?? Olhe la Pikachu, uma Marill!! "Pikachu!" Vamos ver se ela quer batalhar... *Mal chego e sou surpreendido com um Water Gun* Aahh, eii!! Isso é jeito de tratar os recém chegados?! "Marill!!" Vai lá Pikachu!!
1. Pikachu, Tail Whip. (erra)
2. Marill, Water Gun. (erra)
3. Pikachu, Lightning Shock. (acerta)
4. Pikachu, Tail Whip. (acerta)
5. Marill, Water Gun. (acerta)
6. Marill, Water Gun. (erra)
7. Pikachu, Tail Whip. (acerta)
8. Marill, Hydre Bomb. (erra)
9. Pikachu, Tail Whip. (erra)
10. Marill, Water Gun. (acerta)
11. Pikachu, Lightning Shock. (acerta)
12. Pikachu, Tail Whip. (erra)
13. Marill, Water Gun. (erra)
14. Pikachu, Tail Whip. (erra)
15. Pikachu, Lightning Shock. (acerta e nocauteia)
*boto o bone para trás* Nivelball, Vai!! *doing* *ssppziiuu* *zziuzziuzziu* Hum... "Pii..." *tuff* Hahaa!!! Capturei meu segundo pokémon! "Pi Pi Pikachu!" ^^ *boto minha mão pra frente sinalizando com meus dois dedos* Heheh, falta mais um pokémon pra mim se inscrever na Liga Johto!!! Heheeh!! *segurando as mãos de Pikachu começamos a se rodear* So falta mais um!! Só mais um!! Heheh somos demais!! ^^ "Pika Pika Pikachu!"



Última edição por UltimaterX em Sab 5 Abr 2014 - 21:34, editado 1 vez(es)

5 Re: Rota 30 de Johto em Sab 5 Abr 2014 - 20:45

AnderLine

avatar
Fundador
Boné para trás ~Ash~

Cuide bem de Marill ^^

6 Re: Rota 30 de Johto em Sex 11 Abr 2014 - 20:37

William

avatar
Treinador


1 - A captura de Spinarak(Macho)

Amanheceu. Um novo dia se aviltava para mim. Levantei sem preguiça, pois sabia que aquele dia iria ser muito bom. Fui até o banheiro e fiz minha higiene corporal, tomei banho, escovei os dentes, troquei de roupa e então lembrei que alguma coisa estava faltando. Sim, era meu novo parceiro: meu pokémon.

Me aproximei da pokébola que havia conseguido no laboratório e encostei nela com o dedo. Sem demorar muito, ela se abriu e liberou o "carinha" em seu interior. Totodile ainda parecia com sono, na certa era tão preguiçoso quanto eu, mas hoje era dia de deixar a preguiça de lado.

- Bom dia amigo. Sinto muito acordá-lo tão cedo, mas nós temos uma jornada pela frente. Eu decidi que não iríamos ontem por causa do tempo ruim, mas hoje o sol veio, então se prepare, pois estamos de saída!!! - Eu falei, tentando ser enérgico.

Pelo visto a minha tentativa foi feliz, pois Totodile se animou e começou a pular, balançando suas perninhas, em seguida veio o pior: uma mordida na cabeça. Era doloroso passar por aquilo, mas me lembro de ter lido na pokédex que quando um totodile fica feliz, essa é a melhor maneira de demonstrar. Eu achava esquisito, mas quem eu era para julgar.

Fiz a higiene de Totodile também e juntos fomos até a cozinha da minha casa, onde minha mãe já preparava um delicioso café da manhã. Um café de despedida.

- Estou tão orgulhosa de você, William. Você finalmente decidiu o que quer ser. Eu estava ficando preocupada com sua indecisão - disse minha mãe, enquanto terminava de colocar a mesa do café.

Até mesmo eu estava feliz por mim mesmo. Durante um bom tempo eu não sabia se queria ser um treinador, um coordenador, um criador ou um sommelier. Eu tinha boas chances de ser muito bom em qualquer uma dessas áreas, porém, acabei decidindo por ser um treinador, o que, de todo, não foi ruim.

O café da manhã estava muito bom. Totodile e eu comemos sem fazer cerimônias, então, quando terminamos nossa refeição, fomos até meu quarto. A minha mochila já estava arrumada. Saco para dormir, roupas, acessórios, comida, dinheiro e muito mais estava estratégicamente arrumado ali. Eu a coloquei nas costas com uma certa dificuldade, então, peguei a pokébola de Totodile e a apontei para o pequeno crocodilo.

- Muito bem parceiro. Está na hora de irmos andando. Temos muito caminho pela frente e muitas aventuras nos aguardam!!! - Sorri para ele.

O pequeno ser azul pulou com muita energia, demonstrando que era favorável a nossa jornada. Logo uma luz vermelha apareceu, envolveu o pequenino e o guardou dentro da pokébola. Eu guardei a pokébola no meu bolso e fui até minha mãe, dessa vez já com tudo que eu iria precisar na minha jornada. Quevia vê-la, me despedir dela. Gostaria de fazer o mesmo com meu pai, mas ele estava ausente, provavelmente em uma região muito distante, pesquisando pokémons que nunca tinha ouvido falar.

- Meu filho, muito cuidado em sua jornada. Ouça seus pokémons e seja raiconal!! Se algo acontecer, volte para casa ou ligue pra mamãe!!! - Ela tinha um tom de preocupação na voz.

- Não se preocupe mãe. Eu não vou me meter em confusão. Vou voltar para New Bark com o título de campeão da liga Johto!!! - proferi, enquanto caminhava em direção a porta de saída.

Quando coloquei os pés fora de casa, fui inundado por uma claridade muito forte. O sol estava em seu ápice, muito embora ainda fosse cedo. Não tinha nuvens no céu e uma brisa leve passava pela cidade. Era como se o mundo, ou o destino, quisessem que eu começasse minha jornada com o pé direito.

Peguei minha bicicleta e comecei a pedalar. Sentia o vento no meu rosto, meu cabelo, sempre rebelde e desgrenhado, dessa vez começou a assumir uma postura mais comportada e voltada para trás, tamanha era a força do vento. Eu pedalava com toda a minha força, seguindo caminho pela trilha principal da cidade, indo em direção a sua saída. Passei rapidamente por ela, deixando minha cidade natal para trás. Um nó se formou na minha garganta quando percebi que estava em um mundo competamente novo para mim. Uma mistura de excitação e medo me tomavam o corpo completamente naquele momento. Parte de mim queria voltar para casa e parte de mim queria explorar cada cantinho daquele mundo misterioso. Escolhi a segunda opção.

Depois de um tempo pedalando, achei prudente ir um pouco mais devagar, afinal, eu não queria me cansar antes que o dia chegasse na metade. Passei boa parte das horas que se seguiram dessa maneira: seguindo rumo a cidade mais próxima e parando por alguns minutos para descansar, sempre que necessário. Cobri uma boa distância antes da metade do dia e como já estava perto do horário do almoço, achei melhor parar para que Totodile e eu pudéssemos fazer nossa refeição.

Liberei o pequeno crocodilo azul de sua pokébola. Ele parecia feliz por poder sair e correr um pouco pela campina que eu havia escolhido para descansarmos e almoçarmos. Eu havia trazido para mim uma pequena refeição feita por minha mãe. Ainda estava quente. Para meu pokémon eu levei comida pokémon, especial para pokémons aquáticos. De início, Totodile pareceu não gostar da comida. Talvez do aspecto, mas assim que provou a mesma, não levou mais do que alguns segundos para comer com vontade sua refeição.

Depois de almoçar, nós descansamos por algum tempo e então, já com as energias recuperadas, seguimos nossa viagem. Dessa vez eu deixei o pequeno ser azul na cesta da minha bicicleta, de modo que ele pôde acompanhar toda a viagem.

Já entardecia quando chegamos a uma área um pouco mais selvagem do que a campina onde estivemos. Essa área era repleta de árvores e parecia ser o único caminho para passar para o outro lado. Não tive outra opção, desci da bicicleta e segui caminhando por ela.

Começou a escurecer rapidamente. Totodile estava ficando com medo daquele bosque, então achei melhor deixá-lo na pokébola. Os raios de sol do fim da tarde lutavam para conseguir iluminar aquele lugar. Logo eu não conseguiria enxergar mais nada e seria necessário armar acampamento e pernoitar ali mesmo.

Me arrisquei a continuar caminhando pela mata, mesmo já quase sem enxergar. Tinha a trilha abaixo de meus pés como guia, contudo, mesmo ela não iria se manter visível por muito tempo. Eu tinha esquecido de trazer uma lanterna. Infelizmente em viagens, esquecer alguma coisa era normal.

"Acho que terei que comprar uma quando chegar na cidade mais próxima" - Pensei enquanto olhava ao redor e via o sol sumir cada vez mais, cedendo sua posição altiva para a lua.

Como naquela altura, minha visão já não estava muito boa, pois a iluminação da lua não era tão boa, acabei por bater em uma árvore grande, cambaleando para o lado e quase caindo no chão. Em m movimento involuntário, larguei minha bicicleta e tentei agarrar na árvore, só que algo pegajoso estava preso nela.

- Mas o que-- - Não consegui completar a frase, pois alguma coisa caiu no meu rosto.

Entrei em desespero e acabei por soltar um grito, enquanto batia no meu rosto para me livrar daquilo que me obstruía a visão. De início parecia uma aranha. Era verde, com listras pretas, então a aranha se enfureceu e lançou teia contra mim, me acertando no rosto.

Cai no chão e lutei muito para conseguir tirar aquela teia resistente da minha cara. Depois de retirar aquele incômodo no meu rosto, olhei para aquela aranha estranha e foi ai que lembrei que poderia ser um pokémon. Peguei a pokédex e analisei o ser esverdeado. O aparato tecnológico começou a falar, dizendo se tratar de um Spinarak, um pokémon inseto.

pokédex escreveu:


Spinarak, um pokémon aranha. A teia tecida pelo Spinarak pode ser considerada o seu segundo sistema nervoso. Dizem que este Pokémon pode determinar o tipo de presa que caiu em sua teia apenas pelas pequenas vibrações que sente através de seus fios.

Nome: Spinarak
N° Nacional: 167
Tipo: Bug/Poison
Gênero: M
Altura: 1′8″ (0.51m)
Peso: 18.7 lbs (8.5 kg)
Habilidades: Insomnia; Swarm; Sniper (habilidade oculta)

- Muito bem Spinarak. Você vai ser meu primeiro pokémon!!! Vamos lá Totodile!!! - Disse lançando a pokébola do meu pokémon para a minha frente.

 VS  

Um vento fresco correu pelo bosque enquanto Spinarak e Totodile se encaravam. O pequeno crocodilo azul parecia determinado a derrotar a aranha verde na sua frente, bem como seu adversário.

- Muito bem Totodile, vamos começar com o Scratch!!

Meu pokémon obedeceu prontamente, inclinando seu corpo levemente para frente e iniciando uma corrida contra a aranha verde, diminuindo cada vez mais a distância entre eles, até que, quando fica a uma distância ideal, Totodile tenta usar o golpe pedido por mim, mirando em Spinarak. O mesmo não ficou parado. Usando sua grande velocidade e conhecimento sobre o ambiente ao nosso redor, Spinarak lançou sua teia em uma árvore e subiu na mesma, escapando do ataque de Totodile e, ao mesmo tempo, desaparecendo de vista. Acabou reaparecendo pouco tempo depois, enquanto lançava seu ataque, o Poison Sting.

- Parceiro, use evasiva e tente dar um golpe na árvore da sua frente!!

Totodile fez o ordenado, desviando por muito pouco das agulhas envenenadas de Spinarak. O ser azul se lançou com toda a sua velocidade contra a árvore em que suspeitávamos que Spinarak se escondia. Ao acertar a árvore, a mesma tremeu e algumas folhas se soltaram dos galhos, poucos segundos depois, Spinarak caiu no chão, fazendo um barulho surdo ao atingir o solo.

Aquele era o melhor momento para atacarmos. O momento perfeito. Se não conseguissemos sair na frente com um ataque poderoso, enquanto Spinarak estava com a guarda baixo, não sabia quando iríamos conseguir.

- Vai lá Totodile, use o Scratch!!

O pequenino foi em direção ao alvo, levantando sua pata que já estava preparada para executar o golpe. Um arranhão poderoso foi realizado com perfeição em Spinarak, que sentiu o golpe, pois fechou os olhos por alguns segundos, absorvendo o impacto do golpe. Já recuperado, a aranha verde usa um golpe realmente poderoso, chamado Poison Sting. O golpe acertou em cheio Totodile, não dando chance nem para que eu pudesse ordenar uma evasiva. Como resultado, meu pokémon foi lançado vários metros para trás, caindo no chão e levantando um pouco de poeira.

- Isso ainda não acabou amigo!! Vamos tentar o Leer!!

Totodile se levanta com dificuldade. O golpe anterior ainda se fazia sentir. Senti sua determinação. Sua vontade de vencer aquela batalhar. Naquele momento, percebi que Totodile e eu éramos uma boa equipe e que juntos iríamos muito longe. O crocodilo lança-se contra Spinarak, tentando usar a técnica pedida por mim. Spinarak usou sua teia novamente, prendendo-a em uma árvore e se balançando com ela, contudo, não escapando do ataque de Totodile. A aranha verde fica mais fraca e se posiciona atrás do meu pokémon, usando o String Shot nele.

- Totodile, rápido, desvie para o seu lado esquerdo!! Depois use Scratch!!

Totodile conseguiu desviar do ataque de Spinarak, todavia, foi acertado em uma pequena parte de seu corpo, causando ficando mais lento, contudo, nada grave. Logo após o pequenino ser azul usa a sua técnica, atingindo o adversário em cheio, sem chance de desviar, já que ele estava muito próximo de Totodile. No processo do ataque, o pokémon verde acabou desmaiando.

Era o momento ideal para pegá-lo. Tirei do bolso uma pokébola vazia e a expandi, apertando seu botão central. Logo após lancei a bola contra Spinarak, que foi envolvido por uma luz vermelha e foi colocado no interior da pokébola, que balançou cerca de cinco vezes com uma certa violência, apenas para, no final, ficar inerte.

Foi nesse momento que percebi que tinha capturado o meu primeiro pokémon. Um misto de orgulho, sensação de dever cumprido e alívio nasceu e se acumulou dentro de mim. Esbocei um largo sorriso e fui pegar a pokébola de Spinarak.

- Você foi muito bem Totodile!!! Graças a você e ao nosso trabalho em equipe, agora temos um novo companheiro de aventuras!!! - disse pegando a pokébola e guardando no meu bolso.

A batalha contra nosso novo companheiro deixou Totodile e a mim muito cansados. Ainda estávamos dentro daquele bosque, que ficava mais selvagem a medida que adentrávamos nele. Sem ter o que fazer, sai um pouco da trilha, o suficiente para não ser atingido por um veículo, então, arrumei o meu saco de dormir e fiz uma fogueira. Ainda tinha um pouco de comida preparada por minha mãe e muita ração pokémon. Liberei meus companheiros e, juntos, tivemos uma refeição bastante agradável. No fim, acabamos indo dormir. Estávamos cansados da longa viagem e da batalha, especialmente meu parceiro azul e eu. Dormimos sem nos preocuparmos com onde estávamos.

7 Re: Rota 30 de Johto em Sex 11 Abr 2014 - 20:44

AnderLine

avatar
Fundador
Caraca todo mundo esse modelo de post^^

+Spinarak | +P$8.900

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum